Há mais de 50 anos que nos movemos; primeiro criando caminhos de futuro entre cidades e depois desenvolvendo mecanismos dentro de cada uma, para que se movam por si próprias gerando vida e acompanhando as nossas vidas
à velocidade dos novos tempos.
Orgulhosos da nossa história, hoje continuamos a olhar em frente e a imaginar o que vamos fazer a seguir.
E assim movemo-nos sempre com o objectivo de antecipar e implementar soluções inovadoras e duráveis nas áreas da mobilidade inteligente, segurança e recreio urbano nas cidades, tendo o ambiente sempre no horizonte.
E assim vamos mais longe no nosso princípio de usar a última tecnologia a nosso favor, para entregar mais qualidade de vida às cidades e a quem lá mora, trabalha, estuda, brinca ou simplesmente por lá passa.
Porque parar não está nos nossos planos.

Missão

Capacitar as cidades humanizando-as,
criando oportunidades para que a vida
decorra em harmonia, garantindo
a sustentabilidade futura das comunidades.

Valores

Integridade

Defesa de uma conduta ética que define a cultura da empresa, respeitada desde o primeiro dia.

Liderança

Antecipação e desenvolvimento de soluções que melhorem a vida nas cidades.

Agilidade

O nosso mercado é global e complexo, temos de estar preparados para entregar o nosso melhor por mais
distintos que os contextos e os interlocutores possam ser.

Capacidade

Implementação eficaz das soluções, maximizando o valor para a empresa e para os nossos clientes.

Humanismo

Total foco nas necessidades das pessoas e da comunidade, pois são elas os últimos beneficiários da nossa
actividade.

Compromisso

Com os objectivos e responsabilidades da empresa, com a equipa, e com a permanente satisfação das necessidades dos nossos clientes.

História

Década de 70

Nascemos em 1968, poucos anos depois daquele que foi considerado como um dos mais importantes períodos de êxodo rural em Portugal. Surgimos com objectivo de aplicar novas tecnologias de marcação nos pavimentos, como as estradas e pistas de aviação da Base Aérea de Beja.

Entre 1951 e 1964, cerca de 1.3M de pessoas ter-se-ão deslocado de meios rurais para as grandes cidades, num período de mobilidade sem precedentes. Os trabalhos que realizámos no Alto da Boa Viagem (1968) traduziam a necessidade de reforçar os acessos a Lisboa, que continuava a crescer.

A experiência adquirida, permitiu que rapidamente alargássemos a influência da Gaspar a todo o território, acompanhando a dinâmica de um País cada vez mais interligado.

Como resposta ao volume de trabalho e a uma maior mobilidade nas nossas cidades, realizámos um forte investimento em inovação, sendo pioneiros na demonstração de produtos termoplásticos no país (1970), na importação de soluções como as máquinas de aplicação de spray plástico (1974) e enfrentando os novos desafios da segurança rodoviária com equipamentos especiais para montagem de Guardas Metálicas (1976).

Década de 80

Nos anos 80, o desenvolvimento económico do país oferece condições para a adesão de Portugal à CEE, desbloqueando fundos estruturais que deram um novo impulso à infra-estrutura rodoviária nacional.

Com o reforço da unidade fabril, feito em 1977, assumimo-nos como líderes em Sinalização e Segurança Rodoviária, uma posição reconhecida entre outros pelo ACP e Câmara Municipal de Cascais, que nos convidaram para a instalação dos Rails de Segurança do Autódromo do Estoril aquando
da recepção da etapa de Fórmula 1 (1984), sob criteriosa observação da FIA.

Década de 90

A maior mobilidade interna e a abertura progressiva de Portugal à Europa e ao Mundo, a par do desenvolvimento tecnológico, trouxeram novos desafios às cidades, dando- nos a possibilidade de diversificar a nossa actividade na década de 90.

As novas áreas de negócio trouxeram novas soluções ao nível da gestão de tráfego e do planeamento do espaço urbano das cidades, permitindo por um lado a instalação do primeiro sistema de controlo e gestão inteligente de estacionamento, em parceria com o fabricante líder mundial do setor, no Aeroporto Francisco Sá Carneiro (1996) e, por outro lado, o planeamento e instalação de parques infantis com equipamentos de recreio e lazer para crianças (1991).

Em 1991 reforçámos a nossa posição face à redução de sinistralidade rodoviária aplicando uma das primeiras técnicas de acalmia de tráfego no país à cidade da Maia (1991).

Mas os anos 90 foram ainda marcados por um desafio internacional de grande escala: a marcação de 600km de estrada em pleno deserto da Mauritânia (1995).

Novo Milénio

O novo milénio abre com o reconhecimento do trabalho que realizámos ao longo dos anos, celebrando um contrato de conservação das guardas metálicas de toda a redes das Auto-estradas do Atlântico.

Com a área de gestão de tráfego em expansão, alargámos a área de atividade à rede de parques de estacionamento fechados da EMEL. Em 2002, numa parceria única com a Brisa, desenvolvemos soluções para a integração da Via Verde no sistemas de controlo de estacionamento.

Ser pioneiro faz parte do nosso ADN e por isso procuramos introduzir conceitos inovadores em cada uma das nossas soluções, como na introdução de jogos electrónicos em espaços de jogo e recreio (2007) ou na utilização de cartões bancários como meio de pagamento de produtos de estacionamento.

Em 2010 instalámos os nossos primeiros equipamentos Kompan® em Portugal, dando início a uma estreita parceria com a referência global no desenvolvimento e produção de equipamentos de recreio com acesso livre. Ficámos assim inquestionavelmente destacados para oferecer soluções de lazer e o desenvolvimento infantil, de forma integrada e inclusiva, sempre com o melhor design, segurança e qualidade.
O maior Skatepark da Peninsula Ibérica é inaugurado em 2014. O Parque das Gerações em S. João do Estoril materializa a nossa marca SKATELOPEZ® by FLGaspar, uma parceria com Francisco Lopez para conceber e executar soluções de qualidade que dignifiquem e promovam os desportos urbanos sobre rodas, a saúde e a inclusão nas nossas comunidades.

Em 2017 voltámos a mostrar a nossa capacidade de entrega e instalámos no C.C. Colombo o maior sistema de estacionamento em superficies comerciais nacionais.

Com o tema da sustentabilidade e a procura de soluções mais eficientes a ser cada vez mais preponderante na nossa sociedade, na Gaspar procuramos inovar e estabelecer parcerias cada vez mais responsáveis.

Projectámos e instalámos o primeiro parque infantil nacional com piso de cortiça (2020), a partir da representação exclusiva em Portugal da Corkeen®.

Com um projeto pioneiro pela sua dimensão e modelo de negócio, em 2021 instalámos em Oeiras uma rede de papeleiras inteligentes, com compactadores e alimentação solar. Consolidámos o posicionamento na oferta de soluções na área do Energia e Ambiente, para as cidades inteligentes do futuro, com mobiliário capaz de gerar, partilhar e processar dados para uma gestão urbana mais eficiente.

Na construção de cidades para o futuro, procuramos também incentivar hábitos mais responsáveis e saudáveis. Em parceria com a EMEL desenvolvemos um sistema de contagem de velocipedes para Lisboa (2021).

E hoje continuamos a trabalhar para que as nossas cidades continuem a ser o melhor sítio para vivermos.