Mota-Engil, 2016

Prata Riverside Village.

Os espaços exteriores são uma das peças chave do emblemático empreendimento imobiliário do Prata Riverside Village. Um projecto com assinatura de Renzo Piano, considerado um dos maiores nomes da arquitetura mundial, assume uma personalidade única, mas perfeitamente integrada na envolvente e na frente ribeirinha, apoiada por inúmeras lojas, serviços e equipamentos de lazer, para toda a família.
O premiado gabinete de Arquitectura Paisagista nacional – TOPIARIS – foi responsável pelo projecto de espaços exteriores, e a VIBEIRAS / MOTA-ENGIL pela sua execução.
Para um território de excelência, estes players de referência encontraram na GASPAR o parceiro ideal para conceber e executar um espaço de jogo e recreio apelativo, seguro e inclusivo. Um espaço que chama pelos mais novos e de onde não querem sair, dá vida à paisagem nas margens do Tejo.

Impacto na Cidade – A abertura à fruição de todos da frente ribeirinha oriental de Lisboa, virando a página de um cenário industrial, pedia a vida e a visão de futuro que só as crianças podem trazer às paisagens.
Em conciliação com peças arquitectónicas e escultóricas marcantes, importava encontrar uma solução cheia de valor lúdico para bem integrar materiais naturais nobres como a Robinia, oferecendo o melhor aos mais jovens.

Factos Interessantes – Trata-se de um espaço concebido e executado por promotor privado, depois entregue à cidade e aos Lisboetas. Um equipamento inclusivo para todos, ao lado da peça de arte pública de maior dimensão da capital – LISBOA, uma escultura monumental de 1999 do escultor José Guimarães.

Propósitos

Actuamos para continuarmos a ser a empresa de referência
na melhoria da qualidade de vida nas cidades. Com este projecto vamos:

01

Incentivar estilo de vida activa e saudável.

02

Inovar no espaço público.

03

Promoção da Inclusão social e acessibilidades.

04

Estimular as actividades de Brincar e Recrear - desenvolvimento de competências cognitivas, físicas, sociais e emocionais.

05

Promoção da felicidade, comunitária e individual, em meio urbano.

Sustentabilidade

Este projecto contribui para as seguintes metas dos
Objectivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU:

( 11.7 ) Até 2030, proporcionar o acesso universal a espaços públicos seguros, inclusivos, acessíveis e verdes, particularmente para as mulheres e crianças, pessoas idosas e pessoas com deficiência.

Porquê

a Gaspar.

Acreditamos que devemos ser agentes de reflexão e definição do futuro das cidades, oferecendo as melhores soluções para cada projeto.